Aplicações do aço inoxidável austenítico

06 aço inoxidável

A família de aço inoxidável austenítico, seguindo a nomenclatura AISI, o sistema americano para classificação dos aços, American Iron and Steel Institute, é a mais conhecida e utilizada para aplicações industriais. Entre os aços austeníticos, os aços inox dos tipos 316 e 304 são os mais populares.

O aço inoxidável 304 é bastante semelhante ao aço 316, contendo 2% de molibdênio. O aço inox 316 possui como característica maior resistência à corrosão sob tensão, resistindo melhor às corrosões localizadas, como no caso de corrosão por pite.

O aço inoxidável 304 oferece uma grande diversidade de aplicações, tanto para uso doméstico quanto para ambientes industriais. Em sua composição química entram 18% de cromo e 8% de níquel, tornando-o um material com alta resistência à corrosão, mostrando-se um tipo de aço ideal para processos de conformação e de soldagem.

Conheça, a seguir, algumas das aplicações para o aço inoxidável da família austenítica para algumas situações:

1.     Aço inoxidável para a indústria de alimentos

A indústria de alimentos exige um processo de fabricação extenso, com o próprio processamento, a estocagem, a preparação e a distribuição. O aço inoxidável pode ser aplicado em tanques e recipientes, em tubulações e em equipamentos que entram em contato direto com os alimentos.

Na indústria de alimentos são exigidos principalmente os aços inox 304 e 316, sendo os mais adequados para o manuseio dos alimentos e os mais resistentes à corrosão.

O aço inoxidável 316 é o mais adequado para indústrias de alimentos com maior poder corrosivo, como a carne, por exemplo, ou de outros ingredientes com cloreto de sódio, que precisam ser limpos com maior frequência.

Para garantir a maior efetividade do metal, é preciso estoca-lo e manusea-lo de forma correta, para que possa ter maior vida útil. Nos equipamentos como tanques, tubos e condensadores, é necessário haver frequente limpeza, sempre de acordo com o processo exigido e as condições do local.

2.     Aço inoxidável para o maquinário

Em razão do seu alto poder de conformação e de soldabilidade, o aço inoxidável 304 e o aço 316 podem ser utilizados na fabricação de componentes para máquinas que exijam os processos mais higienizados na produção de alimentos.

3.     Aço inoxidável para arquitetura e exteriores

Como é um material bastante resistente à corrosão, o aço inoxidável mostra-se também como a melhor opção para a aplicação na arquitetura. Os aços 304 e 316 podem ser aplicados em revestimentos de fachadas, de tetos de prédios e de elevadores, entre outros.

O arquiteto, ao selecionar o tipo de aço inoxidável, deve considerar fatores naturais externos, como a umidade e a temperatura, podendo classificar as localizações, como por exemplo:

  • Áreas urbanas, para residências localizadas próximas a indústrias leves e com poluição não agressiva ao meio ambiente;
  • Áreas rurais, sem poluição, mais distante de atmosferas com resíduos industriais;
  • Áreas industriais, com alta concentração de dióxido de enxofre ou de gases liberados pelas indústrias químicas, que se tornam potencialmente perigosos;
  • Áreas litorâneas, com ar marítimo, que formam cloretos na atmosfera, podendo condensar durante a evaporação da superfície da água.

As classificações devem ser observadas na arquitetura para cada tipo de ambiente, considerando-se a localização da edificação e as mudanças ambientais que possam ocorrer durante o tempo de vida útil do projeto. Ao escolher o tipo de aço inoxidável, o arquiteto deve considerar todas as alterações de clima e do ambiente.

Nas aplicações de projetos arquitetônicos, o aço inoxidável 304 pode ser utilizado na maior parte dos casos. Contudo para áreas industriais e áreas litorâneos, o aço inox 316 é o mais indicado.

4.     Aço inoxidável para utensílios domésticos

O aço inoxidável mais conhecido da família de aços austeníticos é o 304, por ter maior facilidade de conformação e maior resistência a rupturas, sendo amplamente utilizado na fabricação de produtos domésticos e de equipamentos, como panelas, talheres e eletrodomésticos, entre eles os fogões, cestos de lavadora de roupas e fornos, por exemplo.

Conhecendo o aço inoxidável é possível utiliza-lo em todas as aplicações possíveis, escolhendo o tipo certo para cada utilização, garantindo que o produto tenha maior vida útil e seja usando de forma racional e econômica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *