Por que o aço inox é preferido na indústria alimentícia?

A aplicação do aço inox ainda não é obrigatória na indústria de alimentos, mas o seu uso vem sendo cada vez mais exigido.

Além da indústria de alimentos, o aço inox é utilizado em equipamentos hospitalares, na indústria de medicamentos, nos hotéis, restaurantes e até mesmo nas residências.

Na indústria alimentícia, principalmente, o aço inox oferece muito mais segurança, em razão da facilidade de limpeza e da manutenção de higiene, evitando contaminações através do contato com microrganismos e substâncias estranhas.

O aço inox, além da higiene, é um tipo de material que oferece resistência à corrosão e resistência mecânica, resistindo às variações de temperatura e sendo muito superior a qualquer outro tipo de material, a exemplo de plásticos, alumínio ou equipamentos de ferro.

O aço inox vem se tornando cada vez mais utilizado em razão dessas propriedades, além de ser um material durável e econômico, oferecendo um aspecto mais higiênico e podendo entrar em contato com alimentos sem causar contaminações.

Aço inox: material inerte

Uma das principais características do aço inox é ser inerte à maior parte dos compostos liberados pelos alimentos em produção, inclusive aditivos químicos. O aço não criar microfissuras, evitando o desenvolvimento de bactérias e pode ser usado em qualquer etapa da produção de alimentos.

Por ser um material inerte, mantém o sabor dos alimentos totalmente natural, assim como suas cores, prevenindo a contaminação de produtos perecíveis, como derivados de leite, alimentos processados e bebidas.

Um dos principais benefícios do aço inox é com relação à facilidade de higienização, mantendo sua superfície livre de resíduos, o que é de suma importância para a indústria alimentícia.

Os equipamentos fabricados com o aço inoxidável oferecem registros comprovados de higienização, de segurança, de neutralidade química e biológica, podendo ser usado no processamento de qualquer tipo de alimentos ou bebidas, o que oferece maior garantia às indústrias de alimentos e aos consumidores em geral.

A durabilidade do aço inox

Outro fator que leva o aço inox a ser considerado essencial para a indústria alimentícia é sua durabilidade. Os equipamentos produzidos a partir desse material não precisam ser trocados por muitos anos, não apresentando qualquer tipo de deterioração.

Suas propriedades permitem que equipamentos fabricados em aço possam atender a toda a cadeia produtiva de alimentos, desde o processamento, passando pelo armazenamento e distribuição, chegando ao final da cadeia com as mesmas qualidades de quando saiu da fábrica.

Assim, o aço inox torna-se o material mais adequado, tendo seu uso estendido para outras áreas em razão de suas características, inclusive na linha de comércio, onde o material é escolhido para as mais diversas aplicações, tanto direcionadas ao público em geral quanto em processos de cozimento e preparação de alimentos.

Segurança alimentar com aço inox

A segurança alimentar é uma situação obrigatória para todo e qualquer estabelecimento envolvido com alimentos, desde as indústrias até o final do processo, quando o alimento chega às mãos do consumidor.

A legislação sanitária exige que os alimentos sejam produzidos em ambientes limpos e seguros, evitando que possa ocorrer intoxicação alimentar. Esses cuidados são importantes, uma vez que a maior parte dos casos de contaminação e transmissão de doenças ocorre através dos alimentos.

Em razão da necessidade dos cuidados essenciais com a alimentação, o aço inox é o material preferido pelas empresas que trabalham com alimentos, podendo o material ser encontrado na quase totalidade delas, chegando, inclusive, aos lares, onde o aço é aplicado para a fabricação de talheres, panelas e recipientes, garantindo a preservação da saúde e da qualidade de vida.