Tanque de aço inox 304 e suas aplicações

Resultado de imagem para aço inox 304

O aço inox tornou-se um símbolo de material resistente e durável, oferecendo sempre a impressão de ser um aço que não se estraga com o tempo, mesmo sob condições adversas. Por isso, é um dos materiais mais empregados na produção de utensílios e equipamentos, tanto para uso industrial quanto doméstico.

Contudo, o aço inox não é eterno, oferecendo apenas maior resistência à corrosão, quando submetido a determinados meios ou agentes, sendo uma resistência variável, dependendo do tipo de aço utilizado.

O aço inoxidável mostra as mais variadas características, como alta durabilidade, maior resistência ao calor, ao impacto e à corrosão, mas, não é invencível, podendo apresentar problemas se não tiver a manutenção adequada.

O aço inox é um material que não existe na natureza, sendo fabricado pelo homem com uma liga contendo vários metais, podendo ser produzido através de diferentes ligadas e, dessa forma, resultando também em materiais que apresentam características distintas.

O que é o aço inox

O aço inox, ou aço inoxidável, é uma liga metálica que apresenta em sua composição basicamente uma mistura de ferro com um mínimo de 10,5% de cromo, material que o torna superior ao aço comum em suas condições de resistência a impactos, calor e corrosão.

Quando outros elementos são adicionados à liga básica do aço inox, como, por exemplo, o silício, o níquel e o carbono, a liga ganha novas propriedades e aplicações. A diversificação permite a produção de diversos tipos de aço inoxidável, que são classificados em famílias.

O aço inox 304, por exemplo, pertence à família dos aços austeníticos, que são compostos basicamente por ferro, cromo e níquel, tendo como principais características a resistência à corrosão, uma excelente resposta a trabalhos a frio, além de propriedades mecânicas e de facilidade nas operações com solda.

Com alta resistência à oxidação e à corrosão, o aço inox 304 é uma excelente liga para fabricação dos mais diversos tipos de equipamentos, como, entre outros, de hospitais, de indústrias químicas, de indústrias farmacêuticas e petroquímicas, entre outras. A liga evita a ferrugem, cujas partículas podem provocar alterações na composição dos produtos nas diversas etapas de produção.

Além do aço inox 304, existe uma versão aprimorada, o aço inoxidável 304L, uma liga que pode ser usada para os mesmos tipos de equipamentos, preferencialmente onde é necessário evitar a corrosão intercristalina, sendo diferente de todos os tipos de aço inox.

A família dos aços austeníticos também oferece outros tipos de ligas, com molibdênio ou com baixo teor de carbono, atendendo diversas especificações das indústrias e suas necessidades.

Características do aço inox 304

O aço inox 304 é um tipo de aço utilizado para fabricação de utensílios domésticos e para fins estruturais, sendo também aplicado em equipamentos para indústrias químicas e navais, indústrias farmacêuticas e têxteis, indústrias de papel e celulose e refinarias de petróleo.

Sua aplicação é vital para permutadores de calor, válvulas e peças de tubulações, indústrias frigoríficas e instalações criogênicas, tanques de fermentação de vinho e de cerveja, equipamentos para refino de produtos alimentícios, além de equipamentos e recipientes para usinas nucleares, peças para produção de bebidas carbonatadas, condutores de águas, veículos ferroviários e muitos outros.

O aço inox 304L, por sua vez, atende revestimentos de tremonhas de carvão, tanques de pulverização de fertilizantes líquidos, estoque de massa e extrato de tomate, além de equipamentos onde seja necessário um teor de carbono menor do que o tipo de aço inox 301, principalmente quando as peças não podem ser tratadas com produtos químicos depois da solda.

O aço inoxidável 304 possui ainda outra variação, o aço inox 304H, que oferece maior resistência às altas temperaturas, oferecendo também melhores condições de soldabilidade.

Uma das maiores vantagens no aço inox 304 é não ser magnético, oferecendo excelente conformação e soldabilidade, além de sua grande resistência à corrosão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *