Tanques com agitação.

Os tanques em aço inox para laticínios que possuem um sistema de agitação podem ter dimensões e espessuras de acordo com a necessidade de cada cliente, além de serem feitos conforme a densidade e a viscosidade de cada produto que será agitado como, por exemplo: derivados do leite, iogurte liquido, iogurte pastoso e achocolatado.

Acima de tudo, os tanques com agitação para os processos de laticínios são feitos com acabamento interno sanitário e externo 2B, lixado ou polido ao brilho e escovado.

Tanques com agitação.

Consequentemente, em praticamente todos os setores da indústria de processos, seja alimentício, químico, farmacêutico, cosmético, petroquímico, mineração, defensivos agrícolas, tintas, papel e celulose, automotivo, entre outros os tanques com agitação são elementos de fundamental importância no processo de fabricação dos produtos.

Origem do aço inoxidável.

O mais importante a se observar é que o aço inox é uma mistura de ferro com carbono e para sua produção é utilizado o minério de ferro, que é mesclado com cal e o carvão.

Além disso, o aço inoxidável se comporta de forma neutra e não altera o sabor ou o cheiro do leite fresco ou de qualquer derivado do leite. Também não reage aos ácidos láticos que são formados durante a fermentação do leite.

Assim, o aço inox também é usado em caminhões tanque para fazer o transporte do leite até as fabricas onde ele é processado. Acima de tudo, tanto no processo do leite pasteurizado, quanto no leite em pó ou na produção de iogurte, sorvete, manteiga ou queijo, os equipamentos de aço inoxidável são de grande importância para atender as normas rígidas de higiene e para seguir os padrões exigidos pelas industrias.

Finalmente, podemos notar que os tanques com agitação para os processos de laticínios são de fundamental importância, pois são fabricados com o aço inox que possui muitos benefícios que garantem que o produto final seja de qualidade e que agrade o consumidor final.

Aço inox e a importância na indústria de laticínios.

Nos dias de hoje o aço inoxidável é uma peça de fundamental importância na indústria de lacticínios e o mais notável é que ele é um elemento primordial há mais de 60 anos. Além disso, o aço inox possui propriedades resistentes e que protegem contra a corrosão nas instalações agrícolas.

Acima de tudo, o aço inox compõe os equipamentos básicos usados em todo o processo, pois ele é muito higiênico, já que ele possui superfícies lisas e claras e consequentemente, são de fácil higienização. Os equipamentos e tanques passam por uma lavagem e limpeza diária e também são esterilizados.

Assim, o leite chega das vacas na temperatura media de 35 graus e logo após ele é rapidamente resfriado ate 4 a 6 graus, pois desta forma será evitado o crescimento de bactérias. Além disso, o leite é mantido nos tanques com agitação para a espera da sua coleta.

Outra peça muito importante na indústria de laticínios são os trocadores de calor, pois eles ajudam a fazer o resfriamento e o aquecimento do leite, além de serem utilizados também para fazer a retirada do calor do leite cru.

Produção de leite e derivados.

Em primeiro lugar, tudo inicia nas fazendas que são produtoras de leite e onde a ordenha é feita de açodo com as mais modernas técnicas de assepsia. Acima de tudo, a composição do leite fresco pode variar entre diferentes raças e também, durante os estágios diferentes de lactação, mas ele contém basicamente cerca de 87% de água.

Assim, o restante é composto por sólidos que são na forma de lactose (carboidratos), gorduras, proteína e minerais e o pH do leite fica normalmente entre 6.6 a 6.8. Além disso, o leite é monitorado pela contagem das bactérias, pois se elas não forem controladas ele pode ser rejeitado.

Acima de tudo, a principal função do leite é nutrir o corpo humano e ele é a base de numerosos laticínios como a manteiga, o iogurte, o queijo, entre outros. Também é muito frequente o uso de derivados do leite nas indústrias alimentícias, farmacêuticas e químicas em produtos como o leite em pó, leite condensado, soro de leite, caseína e até lactose.

E o mais importante é que o consumo de leite e seus derivados fornecem proteínas e minerais que são essenciais para a promoção do crescimento e manutenção da vida do ser humano. O leite contribui também no aumento da absorção intestinal de cálcio, magnésio e fósforo que estão presentes neles e também auxilia na utilização da vitamina D pelo organismo.

Certamente, é de fundamental importância que os laticínios sejam mantidos nos tanques com agitação, pois irão garantir que todo o processo de fabricação de leite e seus derivados seja feito de forma correta e dentro das normas ideais, além de garantir a produção de um produto de ótima qualidade.