Aço inoxidável e sua manutenção e limpeza

12 limpeza

O aço inoxidável, além de ser bastante resistente, é um tipo de material que exige pouca manutenção. Com uma higienização adequada e rotineira, pode-se manter a qualidade do aço inox inalterada, garantindo sua resistência à corrosão.

Para conseguir a máxima resistência à corrosão do aço inoxidável é necessário usar os produtos adequados e fazer os procedimentos corretos, o que exige cuidados até mesmo no caso de sujeiras mais resistentes, não usando métodos que possam agredir o material, mantendo sua superfície de acordo com sua fabricação.

É importante destacar que todos os tipos de aço inoxidável são praticamente iguais em sua resistência, desde que bem higienizados, não exigindo tratamento diferenciado. O mesmo aço inox de um tanque deve ser cuidado como se cuida de um aço usado em equipamentos domésticos ou na decoração, o que irá permitir maior durabilidade para o material.

O aço inoxidável na indústria e sua manutenção

Na indústria, o aço inoxidável é o material mais adequado para reservatórios, vasos de pressão, reatores, silos, estruturas metálicas, tubulações das mais diversas utilidades, tubulações de redes de incêndio e transportadores, entre outros.

Cada equipamento industrial fabricado em aço inoxidável passa por um projeto de engenharia, sendo montado de acordo com as necessidades de aplicação, exigindo também os cuidados para sua manutenção de acordo com o produto para o qual está sendo usado.

Os melhores produtos de higienização para o aço inoxidável ainda são a água, o sabão, detergentes neutros e suaves e removedores à base de amônia, diluídos em água morna e aplicados diretamente no aço inox.

Depois da higienização, basta enxaguar o aço inoxidável com muita água, fazendo sua secagem para evitar o aparecimento de manchas de ferrugem em sua superfície. A limpeza rotineira permite remover com mais facilidade toda a sujeira e resíduos presentes nos equipamentos, evitando o desenvolvimento de manchas que possam reduzir a durabilidade do material e, consequentemente, do equipamento industrial.

Em sujeiras moderadas, que apresentam manchas leves, quando a limpeza de rotina não se mostrar suficiente para garantir a limpeza do aço inoxidável, deve-se aplicar a mistura de gesso ou bicarbonato de sódio, dissolvido em álcool, formando uma pasta para ser aplicada diretamente sobre o aço, esfregando o material com pano macio que possa evitar riscos na superfície do aço.

Em tanques maiores, pode-se aplicar escovas macias, com passadas largas e uniformes, sempre no sentido do acabamento polido, se este for o caso, evitando esfregar com movimentos circulares. Em seguida, basta enxaguar com bastante água, não se esquecendo da secagem posterior.

No caso de manchas mais pesadas ou maior sujeira, é necessário utilizar um composto detergente morno ou uma solução de removedor à base de amônia, da mesma forma que os domésticos, com água. Caso essa limpeza não seja suficiente para retirada de resíduos ou de depósitos carbonizados, deve-se recorrer a produtos mais agressivos, como removedores à base de soda cáustica

O procedimento de higienização deve ser o mesmo indicado para sujeiras moderadas, devendo ser repetido no caso de necessidade, se a sujeira persistir. O enxague deve ser feito em seguida, fazendo-se a secagem como última etapa.

Devemos atentar para o fato de que sujeiras mais pesadas possibilitam o desenvolvimento de oxidação, o que pode prejudicar a durabilidade do aço inoxidável, principalmente em tanques industriais.

Preservando as características do aço inoxidável

Mesmo com todos os procedimentos normais de higienização, o aço inoxidável exige alguns cuidados para que suas características sejam preservadas, devendo-se evitar o uso de ácidos e de produtos químicos.

Ingredientes como ácido de bateria, ácido muriático, removedores de tintas e similares são prejudiciais para o aço inoxidável, danificando sua superfície e provocando o desenvolvimento de manchas de oxidação.

Ocasionalmente, podem ser usados alvejantes ou água sanitária, desde que devidamente diluídos em água, nas concentrações recomendadas, evitando-se o uso de água quente ou fervente e dando preferência à água mora ou fria para evitar danos na superfície do aço inoxidável.

Orçamento/Contato

Dúvidas favor ligar: 54-3297-5152 ou 54-3292-5152. Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>