O uso de tanque de aço inox na produção de sucos

Image result for tanque de aço inox na produção de sucos

A produção de sucos consegue maior eficiência com a utilização de tanque de aço inox. Os sucos produzidos mantêm sua qualidade por muito mais tempo, chegando ao consumidor final exatamente como ele espera, com sabor e com as vitaminas oferecidas pelas frutas.

O processo de produção tem início com a colheita das frutas, já que existe a necessidade de manter e conservar o seu frescor, seu aroma e sua coloração, garantindo todas as suas qualidades nutritivas.

É evidente que todos os tratamentos proporcionados aos pomares possuem papel importante na qualidade final da matéria prima utilizada na produção e no armazenamento dos sucos em tanque de aço inox.

A colheita, portanto, precisa ser feita de forma que as frutas não estejam com qualquer alteração ou machucado, evitando possíveis alterações no suco produzido, sejam de origem física ou química, além, evidentemente, da presença de elementos estranhos, como bactérias e fungos.

Por essa razão, com determinadas frutas as fábricas se localizam mais próximas aos pomares e locais de cultivo, à exceção de frutas cítricas e maçãs, produtos que podem suportar maiores distâncias e maior tempo de armazenamento, quando tratadas em uma refrigeração adequada.

Além disso, dependendo do tipo de fruta, é preciso alguns cuidados que devem ser tomados, tanto pelo produtor quanto pela fábrica de sucos.

Classificação dos sucos produzidos em tanque de aço inox

Os sucos produzidos e armazenados em tanque de aço inox são classificados de acordo com as características de cada tipo de fruta. Sua classificação atende alguns requisitos, como podemos ver a seguir:

  • Suco natural, que mantém as características de cada tipo de fruta, que deve ser estabilizado e conservado no tanque de aço inox através de tratamentos físicos;
  • Suco conservado, que contém alguns aditivos químicos aplicados durante o processo de fabricação, atendendo uma legislação específica para garantir as doses exatas desses elementos;
  • Suco concentrado, que deve ser parcialmente desidratado no tanque de aço inox;
  • Suco concentrado e conservado, que reúne as características de cada tipo de suco;
  • Suco liofilizado, um produto que é oferecido em forma sólida, produzido a partir da total desidratação do suco natural ou do concentrado;
  • Suco reconstituído, que é obtido pela reidratação do suco liofilizado.

Podemos usar como exemplo o suco de uva, produzido e armazenado em tanque de aço inox através de dois processos básicos de fabricação:

  • Um dos processos, que é também o mais utilizado, é conhecido como Flanzy. Trata-se de um método em que é aplicado o desengace e o esmagamento das uvas, seguindo-se um processo de abafamento com a aplicação de dióxido de enxofre. O suco é armazenado em seguida em tanque de aço inox até que seja dessulfitado e engarrafado, estando pronto para a comercialização;
  • O segundo processo é conhecido como Welch, fazendo-se a extração por aquecimento da uva, a separação do suco, sua estabilização e seu armazenamento em tanque de aço inox ou engarrafamento. Este processo oferece um suco de melhor qualidade, garantindo as características da fruta.

Uma das orientações feitas por profissionais envolvidos na produção de sucos é que a colheita seja feita em épocas diferentes do ano, evitando-se o período de maior safra, ocasião em que podem surgir dificuldades para as pesquisas que ajudam no processo produtivo dos sucos.

Após a colheita feita pelos próprios agricultores, as empresas produtoras são as responsáveis pela produção do suco, utilizando equipamentos específicos para a separação dos grãos das sementes e dos cabos.

O mosto obtido deve passar por um equipamento aquecedor, que deve chegar a uma temperatura média de 80°C, baixando em seguida para 60°C.

O suco, na sequência, é levado para um tanque de aço inox, onde deve ficar por pelo menos uma hora. Esse armazenamento é de extrema importância, já que é durante esse processo que o suco é combinado com reagentes que oferecem melhor sabor ao produto final.

Os restos de sementes ou cabos são eliminados depois desse processo, passando por uma centrífuga especial e, em seguida, o suco pode ser novamente armazenado em tanque de aço inox ou já pode ser engarrafado e encaminhado para comercialização.