Vinho na Serra Gaúcha: do processo artesanal ao tanque de aço inox

Vinho na Serra Gaúcha - do processo artesanal ao tanque de aço inox

A história do vinho na Serra Gaúcha se confunde com a história da própria localidade. A produção de vinhos e os sucos de uva, hoje fabricados em tanques de aço inox, sempre foram uma das principais atividades econômicas da região.

Os imigrantes italianos e alemães trouxeram de seus países de origem o processo da vindima. Existem registros de que em 1825, um ano após a chegada dos imigrantes alemães, um cidadão chamado João Batista Orsi trouxe a região uma carta assinada por Dom Pedro I incentivando o cultivo de uvas. No início, a produção de vinho e suco de uva se limitava ao uso doméstico.

Continuar lendo

O cooperativismo na produção de vinho em tanque de aço

O cooperativismo na produção de vinho

Conhecemos por cooperativismo a associação de pessoas ou grupos com interesses comuns em suas atividades econômicas. Boa parte das vinícolas da Serra Gaúcha são cooperativas de pequenos produtores de uva da região que utilizam tanque de aço inox em sua produção. As cooperativas adotam sete princípios básicos, são eles: adesão livre, administração democrática, retorno da proporção das compras, juro limitado ao capital, neutralidade política e religiosa, pagamento em dinheiro à vista e fomento da educação cooperativa.

Continuar lendo

Tanque para vinho, clima e solo: elementos essências para a viticultura

Tanque para vinho, clima e solo -  elementos essenciais para a viticultura

As regiões onde o inverno é bastante rigoroso são mais propícias para a produção de vinhos em tanque de aço inox, e por este motivo os melhores vinhos do mundo são os fabricados nessas regiões. No Brasil, por exemplo, a Serra Gaúcha é, devido aos invernos severos, uma das regiões onde mais se fabrica vinho no país. Assim, os vinhos produzidos na região do Vale dos Vinhedos conseguem competir em qualidade até mesmo com o mercado europeu. O tanque para vinho é um elemento muito utilizado por essas empresas.

Continuar lendo

Vinho da Copa é produzido no Rio Grande do Sul

Vinho da Copa é produzido no Rio Grande do Sul

É da Serra Gaúcha, mais especificamente de Bento Gonçalves, cidade localizada na região de Vale dos Vinhedos no Rio Grande do Sul o vinho escolhido como oficial da Copa do Mundo 2014 e a empresa que está tendo a honra de ter o selo da Fifa em seu produto utiliza de tanque de aço inox na fabricação da bebida.

Continuar lendo

Você conhece os diferentes tipos de aço inox?

Saiba mais sobre aço inox

No post de hoje falaremos sobre o material que dá origem aos tanques de aço inox, que é, obviamente o aço inoxidável.

O aço inoxidável é composto de uma liga de ferro e cromo, e, em alguns casos, também pode conter níquel, molibdênio e outros elementos com propriedades físico-químicas. Para ser considerado realmente como aço inoxidável, o aço deve ter uma quantidade mínima de 12% do elemento cromo.

Continuar lendo

A história do vinho e do suco de uva

A história do vinho e do suco de uva

O suco de uva, que atualmente é muito produzido em tanque de aço inox por indústrias do segmento, surgiu tempos depois do descobrimento do vinho.

O vinho, de acordo com uma lenda, surgiu no ano 6.000 a.C., no reino de Jamshid, onde o rei ordenava que seus súditos armazenassem uvas em grandes jarros para que a família real pudesse comê-las também fora da época da colheita. Para evitar que seus súditos comessem as uvas, o rei de Jamshid os fez acreditar que o líquido fermentado pelas uvas era veneno e quem não fosse da família real e o consumisse morreria. Certo dia, uma moça do reino, pensando que o líquido produzido pelas uvas era veneno, tentou o suicídio bebendo-o. No entanto, ao invés de morrer, ela apenas sentiu-se alegre e mais tarde sonolenta. Assim descobriu-se o vinho e o rei de Jamshid ordenou que a bebida fosse produzida em grande escala.

Continuar lendo

Saiba como ocorre a fermentação do vinho em tanques de aço inox

post vinho

 

A produção de vinho se inicia com a colheita da uva nas videiras e geralmente tem sequencia nas empresas vinícolas. Na cantina, as uvas passam por um processo onde os cabos são retirados do mosto e em seguida ocorre um procedimento conhecido como fermentação alcoólica.

No processo de fermentação, há a participação de diversos agentes microbiológicos e, por este motivo, o tanque de aço utilizado deve ser bastante amplo, permitindo a realização das operações de remontagem, prensagem, teor de açúcar, controle de temperatura, entre outros.

Continuar lendo