Tanque fermentador para vinho e pipa inox

Desde milênios, o vinho é uma das bebidas mais produzidas mundialmente. Ao lado do início de nossa civilização, o vinho acompanhou a evolução tecnológica passando pela Europa e chegando até as Américas. Dessa evolução surgiu o tanque fermentador para vinho. Desde então, o avanço tecnológico ajudou o vinho, melhorando a sua qualidade.

A produção dos vinhos aumentou consideravelmente desde a criação dos tanques de aço inox. Então os vinhos que antes eram armazenados dentro de barris de carvalho são, hoje, fermentados e armazenados nos tanques de aço inox. Em conjunto da pipa inox para vinho 50 mil litros, os tanques de aço trabalham a favor de uma maior qualidade do produto armazenado. Surpreendentemente, tanto as grandes indústrias quanto os pequenos produtores preferem o uso dessas ferramentas para trabalhar. Portanto, as implicações dessas ferramentas são positivas dentro processo de produção.

Continuar lendo

Tanque inox isotérmico para vinho

Dentre os principais modos de utilizar o tanque inox isotérmico existem dois principais. Eles são: a fermentação e o armazenamento de bebidas. Geralmente, os tanques de inox isotérmicos fazem o trabalho de fermentação e armazenamento de bebidas como cachaça e vinho. Todavia, o vinho também pode estar na lista dos produtos que podem ser armazenados dentro desses tanques.

Além disso, a produção de tanque de aço inox para vinho aumentou drasticamente por conta do avanço das tecnologias. Logo depois da descoberta da liga de ferro e cromo, surge o aço inox. A partir daqui, os tanques foram produzidos em massa. A descoberta das vantagens desse produto e dessa composição acarretaram em um grande investimento nesse mercado. Investimento esse que diversas vezes é realizado por conta da possibilidade de melhorar em geral o processo de produção de vinho. Dessa maneira, o tanque inox isotérmico se difundiu no meio da produção vinícola.

Continuar lendo

Tanque de aço inox: produção de vinho

Dois dos principais usos que o tanque de aço inox tem são utilizados frequentemente por vários tipos de empresas. A fermentação e estocagem de bebidas alcoólicas, por exemplo, é só um uso desses tanques.

Neste artigo falaremos sobre os tipos de tanque de aço inox para fermentação, estocagem e também dos esgotadores e remontadores.

Continuar lendo

Tanque de aço inox: ideal para a produção de vinho

Image result for tanque de aço para vinho

A produção de vinho no mundo é milenar, acompanhando a civilização desde os seus primórdios. Com a expansão da cultura ocidental e a descoberta da América, centenas de imigrantes italianos e alemães se instalaram no Brasil, principalmente na região Sul, trazendo essa mesma cultura.

A produção foi sendo aprimorada em nosso país, passando dos antigos barris de carvalho para o tanque de aço inox, uma vez que esse material garante a qualidade do vinho produzido.

O tanque de aço inox para produção de vinho pode ser fabricando nos mais diversos tamanhos e formatos, sendo utilizado tanto por produtores artesanais, em vinícolas familiares, quanto em grandes indústrias, melhorando a produção e aumentando a quantidade de vinho ofertada a cada ano.

O tanque de aço inox e os cuidados na produção

A produção de vinho exige determinados cuidados para se chegar a um produto final de qualidade. Os cuidados começam no cultivo das videiras, só terminando quando o vinho é engarrafado para ser envelhecido.

Utilizando o tanque de aço inox na produção, o produtor de vinho consegue maior facilidade, gerando um produto final com a mais alta qualidade, uma vez que o aço inox é, atualmente, o melhor material que pode ser utilizado.

A utilização do tanque de aço inox é aplicada na fermentação, depois que o vinho passa pelos toneis de madeira, e para o seu armazenamento, antes de ser engarrafado.

A produção de vinho exige a utilização de leveduras selecionadas, que precisam ser mantidas em uma temperatura determinada, não podendo ser menor de 25 ou maior de 34°C. A temperatura pode ser mantida mais facilmente, sendo controlada no tanque de aço, conseguindo-se um melhor resultado e oferecendo vinhos finos e intensos, com o sabor e o aroma mais apreciado pelos consumidores.

O tanque de aço inox é também aplicado na maceração das uvas, uma etapa na produção de vinho que pode durar de 48 horas a 5 dias. O produtor, depois da maceração, deve separar a parte sólida, eliminando as cascas e sementes com um aparelho também de aço inox, deixando o mosto para fermentação.

Essas etapas podem ser feitas de forma automática com equipamentos produzidos com o aço inox, mantendo controle total sobre a produção, fazendo o melhor aproveitamento do mosto.

Tanque de aço inox nas várias etapas de produção

O aço inox, portanto, pode ser utilizado em todas as etapas de produção do vinho, desde a maceração, passando pela chaptalização, que é a fase de correção de açúcar, quando necessário, e pelo descube, a etapa em que se separa a parte sólida, deixando o mosto para fermentação.

Na fermentação, o tanque de aço inox é utilizado na fase secundária, etapa em que o vinho deve permanecer por determinado tempo, complementando esse processo e permitindo que o ácido málico, mais duro para o paladar, se transforme em ácido lático, que deixa o vinho mais macio e saboroso.

O tanque de aço inox também pode ser aplicado na fase de correção do vinho para seu destino final, fazendo a transferência para tonéis de carvalho, trocando os volumes produzidos e deixando o vinho totalmente corrigido e pronto para o consumo.

Ao final da produção, depois que o vinho passa pela fase de amadurecimento, ou seja, depois do tempo determinado para os tonéis de madeira, o vinho pode ser armazenado em tanque de aço inox, garantindo maior sabor, aroma e cor.

Independentemente do tipo de vinho e do método de produção, o tanque de aço inox pode ser utilizado, sempre oferecendo um produto de grande qualidade.

O aço inox na indústria de alimentos

Resultado de imagem para aço inox em indústrias

A indústria de alimentos possui uma grande responsabilidade na manutenção da qualidade de seus produtos. A higiene é fundamental no processo de produção e, por isso, o aço inox é essencial para garantir que os alimentos estejam adequados para consumo.

As máquinas e equipamentos devem oferecer facilidade de limpeza e o aço inox é o tipo de material que não permite a contaminação dos alimentos produzidos, não deixando qualquer tipo de resíduo ou focos de contaminação por bactérias ou microrganismos estranhos.

O aço inox deve ser usado não apenas nos equipamentos, mas também em todos os acessórios, impedindo que qualquer microrganismo possa se instalar em qualquer etapa da produção, oferecendo ao público consumidor produtos da mais alta qualidade.

O aço inoxidável é hoje um material que pode ser encontrado nas mais diversas empresas que devem ter a higiene como base de seu processo, como indústrias, restaurantes, hospitais e laboratórios, tanto pela facilidade de limpeza quanto pela resistência do material.

O processo de limpeza do aço inoxidável é bastante semelhante ao do vidro e da porcelana, sendo mais prático e mais rápido do que de outros tipos de materiais, como alumínio ou plástico, que sempre possibilitam a presença de resíduos.

O aço inox oferece excelente resistência mecânica e à corrosão. Com uma camada impermeável, o material permite a produção de alimentos sem que eles sejam contaminados e sem que causem qualquer problema de saúde nos consumidores.

Eliminação das bactérias com aço inox

O aço inox é um material inerte aos compostos liberados pela matéria prima na produção de alimentos, já que não forma microfissuras em sua superfície. Essa qualidade impede o acúmulo de bactérias, mesmo quando os alimentos são expostos a acidez mais elevada.

Como se trata de um material de fácil limpeza, isso também impede que haja qualquer foco de bactérias, uma das principais causas de intoxicação alimentar verificadas em hospitais. Dessa forma, é muito evidente a vantagem apresentada pelo aço inox na indústria de alimentos.

Pela mesma razão, o aço inox é o mais indicado para tubulações que transportam água nas indústrias, já que sua resistência à corrosão garante a qualidade da água utilizada no processo de produção.

Numa indústria alimentícia, são diversas as etapas do processo produtivo. Tudo começa com a recepção e armazenagem da matéria prima, passando pela preparação e terminando com a armazenagem do produto pronto e seu transporte para a distribuição.

O aço inox atende a todas as etapas, oferecendo maior segurança para os produtos, conduzindo todo o processo dentro da qualidade e higiene necessárias para evitar contaminação por bactérias ou permanência de resíduos estranhos no produto final.

Os equipamentos e maquinários fabricados com aço inoxidável apresentam superfícies lisas e livres de contaminação, com facilidade de limpeza e sem a presença de trincas ou fendas que possam permitir a presença de qualquer tipo de matéria orgânica estranha ao processo de produção.

Além dos equipamentos e máquinas, a utilização de fixadores de aço inoxidável permite que a indústria de alimentos tenha condições sanitárias seguras em todas as etapas do processo produtivo e, por isso, é um material que deve estar presente em toda a linha de produção.

Assim, para oferecer toda a segurança ao consumidor e garantir a qualidade dos produtos é necessário usar o aço inoxidável não apenas nos equipamentos, mas também em utensílios, acessórios e todo e qualquer material que entre em contato direto com o produto.

A composição da liga de aço inox é naturalmente anticorrosiva, oferecendo ainda outra vantagem para a indústria de alimentos: os equipamentos produzidos em aço inoxidável não precisam de pintura contra a oxidação, diferentemente do aço carbono, que é pintado para não sofrer corrosão ao longo do tempo.

Veja a seguir todas as vantagens apresentadas pelo aço inox:

  • Material de fácil limpeza, não exigindo pintura anticorrosiva;
  • Não produz resíduos e evita o acúmulo de bactérias;
  • Resistente às mais diversas faixas de temperatura, podendo ser usado desde em fornos industriais a freezers;
  • Não reage em contato com elementos liberados pelos alimentos.

Tanque de aço inox para vinho: ideal para a produção

Resultado de imagem para Tanque de aço inox para vinho

No Brasil, a produção de vinhos vem sendo feita desde a chegada dos imigrantes alemães e italianos, principalmente no sul do país. Essa produção vem sendo aprimorada através dos tempos, havendo agora a utilização de tanque de aço inox para vinho, já que o inox é um material que garante a qualidade final do produto.

As vinícolas, tanto familiares quanto industriais, utilizam o tanque de aço inox para vinho nos mais diversos tamanhos e formatos, servindo para produtores artesanais e para grandes indústrias, oferecendo a melhor solução para qualquer quantidade de produção.

Continuar lendo

Tanque de aço inoxidável: tipos e acabamentos

Resultado de imagem para inox stainless tank

O aço inoxidável é produzido com uma liga metálica cuja constituição é basicamente de uma mistura de ferro com pelo menos 10,5% de cromo, o que faz com que o material se torne melhor do que o aço comum, apresentando resistência ao impacto, à corrosão e às altas ou baixas temperaturas.

Conforme são adicionados outros elementos, como o carbono, o silício ou o níquel, entre outros, o aço inoxidável ganha outras propriedades, servindo para outras aplicações. A diversificação oferece às indústrias vários tipos de aço inox, que são classificados em famílias:

Continuar lendo

Principais características do tanque de aço inoxidável

06 tanque inox


O tanque de aço inoxidável utilizado para armazenamento é um recipiente próprio para guardar fluidos, tanto à pressão atmosférica quando em pressões superiores, com exceção daqueles enquadrados como vasos de pressão.

Na indústria de processamento, a maior parte dos tanques de aço inoxidável é construía de acordo com requisitos estabelecidos em normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (as NBR), cada uma delas com fins específicos.

O tanque de aço inoxidável pode ter as mais variadas dimensões, desde 2 m de diâmetro até 50 metros ou mais. Dependendo do tamanho, o tanque deve ser instalado no interior de bacias de contenção, que têm o objetivo de conter possíveis derramamentos, no caso de rupturas.

Continuar lendo

O aço inoxidável e sua durabilidade

03 aço inoxidávelTodos sabemos que o aço inoxidável apresenta sempre grande durabilidade, desde que tenha os cuidados necessários de limpeza e manutenção, evidentemente. Contudo, há algo que deve ser lembrado com relação a essa durabilidade: na maior parte das vezes, a produção do aço também interfere no seu tempo de vida útil.

O aço inoxidável, atualmente, é aplicado nos mais diversos ramos de atividade e segmentos do mercado, sendo utilizado para fabricar desde equipamentos de odontologia, utensílios de cozinha, eletrodomésticos, decoração, tanques industriais e equipamentos os mais diversos para indústrias petroquímicas, químicas, de alimentos e muitas outras.

Continuar lendo